1. O presente regulamento tem por objetivo descrever o uniforme de Jovens, Desbravadores, Aventureiros, Líderes de Aventureiros, de Desbravadores e de jovens, departamentais, pastores, regionais e secretárias de departamento, a fim de regulamentar seu uso, posse e confecção.

2. O uso correto do uniforme é fator primordial na boa apresentação individual e coletiva, contribuindo para o fortalecimento da disciplina e bom conceito do Clube perante a opinião pública.

3. Constitui obrigação de todo Jovem Adventista ou membro do Clube zelar pelo uniforme e sua correta apresentação em público. Somente poderão ser usados uniformes atualizados e que estejam em conformidade com este regulamento.

4. Os uniformes descritos neste Regulamento constituem privilégio exclusivo dos Jovens Adventistas, Desbravadores, Aventureiros e Líderes em atividade. São privativos.

5. Não é permitido alterar as características dos uniformes, nem sobrepor-lhes peça, artigo, insígnia, ou distintivos de qualquer natureza, particularmente os que caracterizem origem militar, turístico e/ou desportivo, estranhos a este regulamento.

6. Os membros do Clube, especialmente quando uniformizados, devem portar-se dignamente, dando um exemplo à altura dos princípios simbolizados no uniforme.

7. O uniforme será usado nas seguintes ocasiões:

• Nos desfiles e investiduras.
• Nas campanhas evangelísticas e comunitárias.
• Quando solicitado pela diretoria.
• Em outras atividades oficiais.

8. Ocasiões em que o uniforme não poderá ser usado:

• Antes de unir-se ao Clube.
• Quando empenhado em vendas para obter lucros pessoais de natureza comercial ou outros propósitos alheios aos interesses do Clube.
• Em qualquer campanha que não seja comunitária.
• Em qualquer tempo ou lugar em que seu uso produza um reflexo negativo e rebaixe a sua dignidade.
• Quando estiver incompleto.
• Em passeios particulares fora do interesse ou recomendação do Clube.

9. Nenhum acampamento ou excursão deverá ser levado a efeito sem que o clube esteja identificado visualmente.

10. Os nomes Desbravadores e Aventureiros, e as insígnias, emblemas e distintivos são de propriedade exclusiva da Divisão Sul Americana da Igreja Adventista do Sétimo Dia (DSA).

11. A criação de materiais, para fins comerciais, usando emblemas dos Desbravadores, Aventureiros e Jovens poderá ser realizada somente com a autorização da DSA.

12. Nenhum material (camisetas, manuais, mochilas, etc.) poderá ser criado por clubes, fabricantes ou Campos, com os emblemas oficiais (D1, D2, A1, L1, L2, L3). As exceções serão regulamentadas pela DSA.

13. Criações especiais, usando emblemas do Ministério Jovem, autorizadas pela DSA, só poderão ser reproduzidas mediante sua autorização ou do fabricante originalmente autorizado.

14. Os fabricantes de materiais para o Ministério Jovem se restringirão a produzir somente os materiais autorizados e nos modelos definidos. Sua comercialização será feita de acordo com as regras definidas pela DSA, suas Uniões ou Associações/Missões.

15. Os casos omissos e interpretações serão solucionados pela DSA.

INSÍGNIAS, DISTINTIVOS, EMBLEMAS E DIVISAS

1. Emblema D1:
Este é o símbolo que representa o Clube de Desbravadores. Apresenta a inscrição DESBRAVADORES na parte superior e a inscrição CLUBE abaixo do escudo com a espada. É usado na manga direita.
2. Emblema D2:
É usado na cobertura, na fivela do cinto, no Emblema D4 e no prendedor de lenço. Não contém as palavras DESBRAVADORES e CLUBE, e o escudo com a espada fica centralizado.

 

   

3. Emblema D3:
Apresenta um triângulo em perspectiva sobre um globo com o desenho da América do Sul. No Globo o fundo é Verde e o mapa Branco. Deve ser usado na camiseta e boné do uniforme de atividades e no colete. Pode ser usado sempre que se justificar o uso de uma identificação menos formal. Para fins promocionais, também poderá ser usado traçado em uma cor.

4. Emblema D4:
Representa a organização mundial dos Clubes de Desbravadores da Igreja Adventista do Sétimo Dia. Contém o emblema D2 sobre fundo na cor da camisa do uniforme, com borda em Verde Petróleo e é usado na manga esquerda da camisa ou blusa. No lenço e na faixa é apenas traçado e bordado em azul sobre fundo amarelo.

5. Emblema L1:
Octógono que representa a liderança dos Desbravadores. Confirma que o líder está acreditado internacionalmente com autoridade para participar nas cerimônias de investidura. Cada um dos oito lados tem a mesma medida, contendo o globo ao centro com as linhas meridionais e cartesianas na cor amarela, fundo azul celeste, mapas na cor verde. Moldurado por seis estrelas douradas que simbolizam as classes regulares possui a borda geral amarela. É usado no lenço, no prendedor e na faixa do líder.


6. Emblema L2:
Globo de Líder Master, contendo uma estrela prateada de sete pontas ao centro com triângulo em vermelho ao fundo. Será usado pelos investidos em Líder Máster na manga esquerda e, com um distintivo correspondente, no bolso esquerdo.

7. Emblema L3:
Globo de Líder Master Avançado, contendo uma estrela dourada de sete pontas ao centro com triângulo em azul ao fundo. Será usado pelos investidos em Líder Máster Avançado na manga esquerda e, com um distintivo correspondente, no bolso esquerdo.

8. Emblema L4:
Apresenta um triângulo em perspectiva sobre um emblema L1. Deve ser usado pelo clube de líderes de Desbravadores em seu uniforme de atividades sempre que se justificar o uso de uma identificação menos formal. Para fins promocionais, poderá ser usado traçado em uma cor.

9. Tira com o nome do Clube:
Usada na manga direita da camisa ou blusa acima da tira de cargo e do emblema D1. Mede 7,5 cm de comprimento e 2,5 cm de largura. A curvatura nas extremidades, de alto a baixo, terá 5 cm. Letras e borda na cor amarela, sobre fundo vermelho.

10. Tira de Cargo de Diretoria:
O Diretor(a), Diretores Associados, Conselheiros, Instrutores, secretários de clube e tesoureiros, regionais, pastores e Capelães usarão uma tira designando sua função. É usada na manga direita acima do emblema D1, medindo 7,5 cm de largura e 2 cm de altura. Letras e borda na cor amarela, sobre fundo vermelho.

11. Tira de Classe:
Uso opcional na faixa, indicando a Classe que está em andamento, podendo sobrepor uma acima da outra, estando a última sempre acima das demais. Letras bordadas na cor correspondente da classe, sobre fundo na cor da camisa do uniforme, e bordas vermelhas.

12. Tira com o nome do Desbravador:

Centralizada imediatamente acima do bolso direito e na faixa na altura do bolso, com 8 cm de largura e 2 cm de altura. Letras bordadas na cor preta, fundo na cor da camisa do uniforme e bordas verde Petróleo. Não se usará em acrílico.

Opcional:Uso do fator RH, em vermelho, após o nome.

 

13. Estrela de tempo de serviço:
Opcional. Representa os anos de serviço prestado na Diretoria do Clube ou Liderança dos Desbravadores. Será outorgada pelo Campo à partir do fi nal do segundo ano. Será bordada em tecido na cor vermelha, com bordas e número na cor amarela e possuindo cinco pontas.

14. Distintivos de classes regulares:

Em formato redondo, produzido em acrílico ou metal nas cores correspondentes às classes. Em dourado contém a borda e o emblema D2 traçado ao centro. Serão usados no centro da tampa do bolso esquerdo da camisa ou blusa. O Desbravador usará o distintivo de maior grau sempre à direita dos demais, deslocando os anteriores para o lado esquerdo, mas mantendo o alinhamento centralizado. O desbravador poderá fazer a opção de usar na camisa apenas o distintivo da última classe investida e o restante na faixa.

 

 

15. Distintivos de classes avançadas:
Usados em duas linhas horizontais, dispostas em ordem crescente, da esquerda para a direita, e de baixo para cima, centralizados imediatamente acima do bolso esquerdo, em ambas as linhas. Poderão ser usados em acrílico, metal coberto com tecido ou tiras bordadas. Terão as cores correspondentes às classes, com dourado ao centro.

16. Distintivos de classes de liderança:

Líder, Líder Máster e Líder Máster Avançado, usarão os distintivos
centralizados acima das Classes Regulares, sendo o distintivo de maior grau sempre à direita dos demais, deslocando os anteriores para o lado esquerdo. O líder poderá optar por usar apenas o distintivo da maior investidura. Neste caso, os demais distintivos serão colocados na faixa.

Líder Master
Distintivo metálico. Uma reprodução do emblema L2, todo na cor prata, apenas com o triângulo ao fundo em vermelho.

Líder Master Avançado

Distintivo metálico. Uma reprodução do emblema L3, todo na cor ouro, apenas com o triângulo ao fundo em azul.

17. Insígnia de Excelência:
Em acrílico, metal, ou bordado. Centro dourado, ladeado verticalmente pelas cores representativas do Clube: vermelho, branco e azul em cada lado, de dentro para fora. Usado por um ano acima dos distintivos do bolso esquerdo ou dos distintivos das classes avançadas. Se a insígnia for conquistada no último ano do desbravador (15 anos) ela poderá ser usada definitivamente no uniforme.

18. Distintivo de Batismo:

Opcional. A insígnia de batismo está sendo oficialmente substituída, tendo em vista torná-la mais clara e representativa. Ela manterá o mesmo formato de um escudo e a mesma cor de fundo preta. Ao invés de conter a imagem da cruz, no centro, e as letras ASD, terá apenas o logo da igreja em dourado. Como esta é uma insígnia entregue exclusivamente àqueles que são batizados na igreja Adventista, o logo da igreja irá torná-la mais clara. A mudança terá o período de três anos para ser efetivada, como regularmente acontece com as mudanças de uniforme.

19. Divisas de classes:
Colocadas na manga esquerda, após a respectiva investidura, abaixo do Emblema D4, em ordem ascendente, bordadas em tecido nas cores das Classes, em fundo na cor da camisa e borda verde petróleo.

20. Divisa de líder:

Estrela dourada, bordada sobre fundo da cor da camisa do uniforme, tendo abaixo todas as divisas de classes regulares, numa tarja, borda verde petróleo. Usada na manga esquerda, abaixo do Emblema D4, após a investidura.

21. Emblema do Campo local:
Bordado com desenho estabelecido pelo Campo.

22. Distintivo de função na unidade:

O Capitão (ã), secretário (a), ou outra função necessária usarão um distintivo em acrílico ou metal, designando sua função. Letras e emblema D2 na cor branca, sobre fundo vermelho, medindo 5,5 cm de largura e 1,5 cm de altura. É usado no bolso direito acima do nome do desbravador.

 

23. Faixa de especialidades:
Usada da direita para a esquerda, apoiada no ombro direito, sob a lapela de ombro. Cor verde petróleo, com larguras de 11, 13 ou 15 cm, nos tamanhos pequeno, médio e grande. Em caso de necessidade poderá ser confeccionada em tamanho maior ou menor. Cada desbravador ou líder poderá usar apenas uma faixa. Será usada somente em desfiles, cerimônias, eventos especiais e solenidades, por aqueles que tenham pelo menos uma insígnia de especialidade.

O Desbravador usará o emblema D4 traçado em azul sobre fundo amarelo na extremidade inferior, enquanto o líder usará o emblema L1.

Os trunfos a serem usados na faixa deverão ter o tamanho máximo de 8,5 x 8,5 cm ou 72 mm.

Serão colocados na faixa:

Insígnias das especialidades alcançadas, agrupadas conforme a cor de fundo, encabeçadas pela insígnia de mestrado (conforme a orientação do Manual de Especialidades).

Distinções honrosas outorgadas oficialmente ao Desbravador.

Distintivos de classes regulares e de liderança.

Trunfo oficial de participação em Camporis e Congressos da DSA, União, Campo Local ou Camporis Regionais, usados na parte posterior. Trunfos comemora tivos do Clube deverão ser aprovados pelo Campo local e, somente em casos excepcionais.

Distintivos das Classes de Aventureiros, concluídas e investidas na idade correspondente.

Distintivo da bandeira do país, em padrão oficial.

Distintivo de função na unidade, na altura do bolso.

Tira com nome do Desbravador, na altura do bolso.

UNIFORMES OFICIAIS

1 – MASCULINO (10 a 15 anos)

a. Calça:
Modelo social, na cor verde petróleo (Santista, Gabardine 31 – X66 – 194906TP), barra lisa, com 5 a 9 passadores (proporcional ao tamanho), de 4 cm de altura e 1,5 cm de largura, dois bolsos traseiros embutidos, sem tampa e sem botão. Dois bolsos em diagonal na lateral da calça, um bolsinho frontal embutido (opcional) e duas pregas (voltadas para fora) de cada lado.

b. Camisa:

Conforme o modelo, na cor cáqui (Santista, Grafi l 701), com mangas curtas ou compridas quando as circunstâncias assim exigirem. Terá dois bolsos com uma prega vertical sobreposta de 3 cm e uma tampa retangular de 4 cm de largura. Essa tampa será abotoada com colchetes de pressão ou velcro ocultos (não usar botões). Sobre cada ombro haverá uma platina, também conhecida como lapela do ombro, costurada na extremidade do ombro e abotoada junto da gola (conforme detalhe na figura) com 4 cm de largura. A barra da manga, a prega macho e o vivo da camisa terão uma prega com 3 cm de largura. Serão usados botões transparentes.

2 – FEMININO (10 a 15 anos)

a. Saia:
Saia conforme o modelo, na cor verde petróleo (Santista, Gabardine 31 – X66 – 194906TP), na altura do joelho. Com uma prega macho na frente, zíper atrás, 5 a 9 passadores (proporcional ao tamanho), com 4 cm de altura e 1,5 cm de largura, com duas penses dianteiras e duas traseiras. O uso de bolsos embutidos (ocultos) na costura lateral é opcional. O uso de saia-calça fica vinculado a uma permissão especial da DSA.
b. Blusa:
Conforme o modelo, na cor cáqui (Santista, Grafil 701), com mangas curtas ou compridas quando as circunstâncias assim exigirem. Terá dois bolsos com uma prega vertical sobreposta de 3 cm e uma tampa retangular de 4 cm de largura. Essa tampa será abotoada com colchetes de pressão ou velcro ocultos (não usar botões). Sobre cada ombro haverá uma platina, também conhecida como lapela do ombro, costurada na extremidade do ombro e abotoada junto da gola (conforme detalhe na figura) com 4 cm de largura. A barra da manga, a prega macho e o vivo da blusa terão uma prega com 3 cm de largura. Serão usados botões transparentes. Poderá ser acinturada, tendo duas penses sob o busto

 

3 – MASCULINO (acima de 16 anos)

a. Calça:
Modelo social, na cor verde petróleo (Santista, Gabardine 31 – X66 – 194906TP), barra lisa, com 5 a 9 passadores (proporcional ao tamanho), de 4 cm de altura e 1,5 cm de largura, dois bolsos traseiros embutidos, sem tampa e sem botão. Dois bolsos em diagonal na lateral da calça, um bolsinho frontal embutido (opcional) e duas pregas (voltadas para fora) de cada lado.
b. Camisa:
Conforme o modelo, na cor cáqui (Santista, Grafi l 701), com mangas curtas ou compridas quando as circunstâncias assim exigirem. Terá dois bolsos com uma prega vertical sobreposta de 3 cm e uma tampa retangular de 4 cm de largura. Essa tampa será abotoada com colchetes de pressão ou velcro ocultos (não usar botões). Sobre cada ombro haverá uma platina, também conhecida como lapela do ombro, costurada na extremidade do ombro e abotoada junto da gola (conforme detalhe na figura) com 4 cm de largura. A barra da manga, a prega macho e o vivo da camisa terão uma prega com 3 cm de largura. Serão usados botões transparentes.

4 – FEMININO (acima de 16 anos)

a. Saia:
Saia conforme o modelo, na cor verde petróleo (Santista, Gabardine 31 – X66 – 194906TP), na altura do joelho. Com uma prega macho na frente, zíper atrás, 5 a 9 passadores (proporcional ao tamanho), com 4 cm de altura e 1,5 cm de largura, com duas penses dianteiras e duas traseiras. O uso de bolsos embutidos (ocultos) na costura lateral é opcional. O uso de saia-calça fica vinculado a uma permissão especial da DSA.
b. Blusa:
Conforme o modelo, na cor branca (Santista, Grafi l 007 ou Grafi l Plus 007 – 110601TP ou Gabardine 31- 007 – 110601TP), com mangas curtas ou compridas quando as circunstâncias assim exigirem. Terá dois bolsos com uma prega vertical sobreposta de 3 cm e uma tampa retangular de 4 cm de largura. Essa tampa será abotoada com colchetes de pressão ou velcro ocultos (não usar botões). Sobre cada ombro haverá uma platina, também conhecida como lapela do ombro, costurada na extremidade do ombro e abotoada junto da gola (conforme detalhe na figura) com 4 cm de largura. A barra da manga, a prega macho e o vivo da blusa terão uma prega com 3 cm de largura. Serão usados botões transparentes. Poderá ser acinturada, tendo duas penses sob o busto.

 

clique nas imagens para ampliar

5. Lenço do Desbravador:
Amarelo com Emblema D4 bordado ou serigrafado em azul. Deverá ser usado com uniforme oficial, e de atividades. Quando necessário também poderá ser usado com outra roupa, desde que a mesma combine com os princípios dos desbravadores e que a pessoa que o usa esteja envolvido em atividades do clube. É a identificação mundial dos desbravadores, por isso, somente o lenço oficial pode ser usado.
6. Lenço de líder:
Amarelo com borda vermelha em viés ou bordada e tarjas correspondentes às classes e emblema L1 bordado. Deverá ser usado com uniforme oficial, e de atividades. Quando necessário também poderá ser usado com outra roupa, desde que a mesma combine com os princípios dos desbravadores e que a pessoa que o usa esteja envolvido em atividades do clube. É a identificação mundial dos desbravadores, por isso, somente o lenço
oficial pode ser usado.

7. Prendedor de lenço:
Metálico dourado, com o emblema D2 para o Desbravador e L1 para líder. Será permitido às unidades desenvolverem seus próprios prendedores para uso com o uniforme de atividades do clube.
Opcionais: em tecido bordado. Para os desbravadores com o Emblema D4 e para líderes com o emblema L1. Todo o clube deverá fazer a opção de usar o mesmo prendedor de lenço.

8. Cobertura:
Opcional, na cor cáqui para desbravadores de 10 a 15 anos e verde petróleo acima de 16 anos. Modelo francês, com emblema D2 bordado, cordão torcido na cor ouro sobre a pala, até as extremidades da aba. Na base uma listra (sutache) amarela. Na parte do morcego uma costura vertical central. Botão no centro da cor do boné e o regulador transparente. Borda interna na cor do boné, com intertela ou espuma em todo seu interior.

9. Cinto:

Verde petróleo, com fivela dourada tendo ao centro o emblema D2, em suas cores oficiais e em relevo.


10. Calçados e meias
a. Sapatos: pretos, baixos ou tênis pretos sem detalhes coloridos.
b. Meias: para os rapazes meias pretas. Para as moças até 15 anos, meia fina, cor da pele ou meia soquete branca sem detalhes, desde que todo o clube tenha o mesmo padrão. Após os 16 anos somente meia fina cor da pele.